O açúcar é um dos maiores vilões de uma alimentação saudável. Como dispara os índices de glicose do corpo, o consumo de produtos com esse ingrediente aumenta o desejo por outros. Além disso, o vício em doces pode ser comparado à dependência química, de acordo com pesquisadores da Universidade de Queensland.

Lutar contra a compulsão é possível e exige menos esforço do que parece. Com novos hábitos, fica mais fácil chegar a um equilíbrio para o seu organismo.

A seguir, veja 5 dicas para driblar o vício em doces e se livre da compulsão.

1. Faça a substituição gradativa por frutas

Não adianta querer cortar o açúcar de uma só vez. Eliminar qualquer tipo de doce da sua dieta só fará com que a sua vontade aumente. Em algum momento, você terminará com uma ou várias fatias de torta.

Em vez disso, comece com uma substituição gradativa. Vá adicionando mais frutas ao seu cotidiano, inclusive aquelas com sabores adocicados. Com o costume, você pode substituir os doces.

Também é válido apostar nas receitas baseadas em frutas do que em chocolate e leite condensado, por exemplo. Assim, o organismo acostuma-se sem tanta dificuldade.

2. Opte por doces com baixa quantidade de açúcar

Já que o açúcar é o principal vilão desses alimentos, vale a pena escolher opões com baixa quantidade dele. O chocolate com elevada porcentagem de cacau é uma excelente escolha. Investir nas preparações com cacau em pó em vez de chocolate é outra possibilidade.

Também vale consumir castanhas, nozes e outras oleaginosas. Esses ingredientes ajudam a saciar a fome e matam a vontade de comer um doce.

3. Consuma alimentos ricos em triptofano

O triptofano é um aminoácido que auxilia o corpo a fabricar a serotonina. Esse é um neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar e de prazer. Com o consumo de açúcar, é isso o que acontece. Então, adotar os alimentos certos é um jeito de disparar esse sentimento e conter o vício em doces.

Entre os alimentos ricos em triptofano estão os grãos, como a aveia, e frutas como banana e maçã. Consuma-os ao longo do dia e veja como eles ajudam a trazer a ideia de saciedade.

4. Coma saudável a cada 3 horas

Ao não comer por longos períodos, o corpo começa a buscar energia de forma mais intensa. Isso pode levar à queda do nível de glicose no sangue, na chamada hipoglicemia. Nesse caso, a vontade de ingerir açúcar torna-se ainda maior.

Para não ceder à tentação, o recomendado é comer de 3 em 3 horas de forma saudável. No espaço entre o almoço e a janta, por exemplo, faça um lanche fit e saboroso. O mesmo vale para o período após o café da manhã ou após o jantar. Assim, fica fácil ajustar o seu metabolismo.

5. Pratique atividades físicas

A prática de atividades físicas também ajuda na liberação de endorfina e de serotonina, o que garante a sensação de bem-estar e de felicidade. Trata-se de um ótimo substituto ao sentimento gerado pela ingestão de açúcar, então vale a pena tentar.

Se não gostar de academia, pratique atividades ao ar livre. O importante é deixar o corpo sempre em movimento. Com um metabolismo acelerado, inclusive, é mais fácil queimar as calorias extras de uma opção de doce sem tanto açúcar.

Uma terceira opção para aliviar o estresse, além da academia ou as práticas ao ar livre, é fazer ioga. Com isso, você vai atuar diretamente na respiração, por meio de técnicas que proporcionam relaxamento e bem-estar. Você pode, ainda, investir em atividades manuais, como a pintura e os malabares circenses. São práticas que exigem concentração e brincam com o lúdico e a criatividade.

O vício em doces é real e gera compulsão em muita gente. Para evitar a vontade incontrolável, siga essas dicas e tenha uma alimentação saudável e equilibrada.

Quer outras recomendações para melhorar o seu cotidiano? Curta a nossa página no Facebook e nos siga no Instagram!

Escreva um comentário