Há 6 anos pratico musculação. Há 4 anos tenho hábitos alimentares saudáveis. Da união desses dois aspectos da minha rotina surgiu o interesse pelo fisiculturismo, esporte que valoriza a estética corporal, que exige dedicação 24h por dia, 7 dias por semana. Isso porque, diferentemente dos demais esportes, o principal fator dos resultados não está no treino, mas no que você faz pelo resto do seu dia. Não basta treinar muito bem se o atleta não se alimenta adequadamente e descansa suficientemente.

Toda essa dedicação chamou minha atenção e resolvi me desafiar para ver se também seria capaz. Foram 5 meses de preparação (tempo razoavelmente curto, quando comparado a média dos atletas), repletos de dificuldades, mas vencidos com empenho e esforço.

A recompensa? Foi subir nos palcos e ter aquela sensação de dever cumprido comigo mesma. De apresentar o resultado de algo feito por mim e para mim. Esse esporte me possibilitou uma conexão que nunca tinha feito comigo mesma, afinal eu te aviso, de plano, que caso você pense em um dia competir no fisiculturismo, poucos irão lhe apoiar, muitos apontarão o dedo e irão criticar… Logo, se você quer mesmo, faça por você! E eu recomendo demais, pois é um sentimento que não se explica, apenas se vive e é imensamente confortante. Aqueles poucos segundos sob os holofotes compensam todas as dificuldades enfrentadas e fazem a gente sair dali com vontade de viver tudo outra vez.

Quer acompanhar um pouco de minha trajetória durante a competição? Acesse meu instagram @pattyfitlife 🙂

Escreva um comentário